Home»PAUTA POLÍTICA»Coluna do Gilson -09/18 / Jornalista acredita que Data Folha amanhã terá efeito ‘estouro de boiada’ e pode determinar resultado deste segundo turno

Coluna do Gilson -09/18 / Jornalista acredita que Data Folha amanhã terá efeito ‘estouro de boiada’ e pode determinar resultado deste segundo turno

1
Ações
Pinterest Google+

 

Doc Café

O jornalista Walter Mello,  Pós – graduado em Marketing Político pela Universidade de São Paulo (USP),  acredita que o resultado das pesquisas que o ‘Data Folha’ divulga amanhã (10/04), irá ‘selar’ os números das urnas dia 28.

“Tem muita gente ainda naquela do ‘não perder o voto’. Outra parcela é de fascistas que estão saindo do armário” – completa outro experiente jornalista que, já temendo a repressão, pediu para ser incluído nesta nota aenas como uma ‘fonte’.

Meu confrade tem razão ao se precaver. Segundo Alvaro Costa e Silva no ‘Folha’ de hoje (09/10), “levantamento feito pela Associação Brasileira dos Jornalistas Investigativos, mostra que em 2018 se registraram mais de 120 agressões a jornalistas em contexto político eleitoral”. Foram 64 ocorrências de assédio em meios digitais e 59 vítimas de atentados físicos.

 

Passarinho que come pedra…

Artistas também têm pesadelos com a possível volta da censura ao Teatro, Cinema e Televisão. Na literatura escritores e leitores se assustam com a pressão de pais e alunos do Colégio Santo Agostinho, no Rio de Janeiro, que conseguiu a retirada do livro Luiz Puntel da biblioteca. Na Universidade de Brasília, recentemente, livros que abordavam a temática dos Direitos Humanos foram dilacerados. Ainda no mesmo local, o vandalismo também atingiu obras de artistas do Renascimento.

Na Bahia um cachorro foi morto a tiros ao latir para uma carreata bolsonarista. Em um bar de Salvador, tiraram a vida do mestre capoeirista Moa…

No Rio, a irmã de Marielle Franco, vereadora do PSOL executada por motivos políticos, foi hostilizada nas ruas, com pessoas gritando há poucos centímetros de seu rosto. Trata-se de uma pessoa que teve sua irmã executada, cujo caso não se resolveu e, provavelmente, não se resolverá, dado o risco que esbarrar em pessoas diretamente ligadas ao estado. Em Recife, no Pernambuco, uma jornalista é agredida e um capoeirista, que votou no PT, é assassinado com 12 facadas após declarar seu voto.

Aqui em Ribeirão Preto, a militância anti-Bolsonaro, também está apreensiva depois de notícia que circulou semana passada nas Redes Sociais, dando contas que um motociclista foi atropelado e constrangido por integrantes da torcida do PSL. O fato pode até ser fake… Mas que assustou, assustou…

Genética Política

@ Ao anunciar, através de sua equipe, que deve levar ao governo executivos da iniciativa privada como Alexandre Bettamio, CEO para a America Latina do Bank of América e  João Fox, presidente do Conselho de Administração na TIM, Jair Bolsonaro ganhou cognome na imprensa: Trump Tropical.

 

Na Globo ?

Durante comentário no Bom Dia Brasil, a jornalista Miriam Leitão lembrou que Jair Bolsonaro fez sua carreira defendendo a ditadura e a tortura e disse que Bolsonaro e o candidato da frente democrática, Fernando Haddad não são equivalentes; “Bolsonaro sempre teve um discurso autoritário. O PT, de vez em quando tem uma declaração aqui ou ali, mas na verdade é um partido que nasceu, cresceu na democracia, sempre jogou o jogo democrático e governou respeitando as instituições democráticas”.

 

Modelo Chileno e o Posto Ipiranga

O modelo de Previdência pretendido por Paulo Guedes, o posto Ipiranga do candidato do PSL, fez 90% dos aposentados chilenos receberem só meio salário mínimo na década de 80.

Segundo o economista Eduardo Fagnani, “a implantação do modelo chileno de previdência no Brasil completaria o suicídio econômico e social em curso”.

O plano de previdência proposto pelo economista de Bolsonaro é acabar com o sistema público de previdência no país. Sua proposta é eliminar a contribuição patronal para a previdência e capitalizar a aposentadoria. Guedes propõe também a faixa única de imposto de renda, que triplica os impostos para os mais pobres.

Protocolado no TSE o programa de governo do ex-capitão do Exército, tem 81 páginas e, nelas, não há proposta para o Imposto de Renda.

Última Hora

@ Senador, Olímpio diz que Bolsonaro não apoiará Doria em São Paulo.

@ Nenhuma surpresa. Duarte Nogueira, prefeito de Ribeirão Preto, já manifestou apoio ao PSL.

@ Ciro tem 38.736 votos em Ribeirão Preto sem nenhuma participação do Diretório PDT local.

@ Carlos Cézar Barbosa (PPS) entrega o cargo uma semana após denunciar que o prefeito pediu doações em dinheiro para a campanha da primeira-dama a deputada federal. Guido Desinde Filho é o novo secretário da Assistência Social.

@ Brasil Agora (17h42) Lula pede que Haddad pare de visitá-lo, assuma totalmente os caminhos da campanha e viaje o País.

   That’s all, folk …

Gilson Filho é jornalista e editor deste Blog MTB 17114/67/15V/SP 

 

Postagem anterior

Coluna do Gilson / Eleições / PSDB evapora em Ribeirão Preto / Da hora: FHC agora é Haddad /

Próxima Postagem

Coluna do Gilson / Voltando ao Holocausto / Jovem com camiseta 'ele não' é marcada com suástica em Porto alegre.

1 Comentário

  1. Matilde Leone
    12/10/2018 em 10:37 — Responder

    Ainda HADDAD tempo de evitar o horror

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *